Início Notícias Marcas

O futuro conjuga-se no feminino

A marca americana de activewear The North Face está a apostar em força na captação de mais consumidoras e quer partilhar histórias inspiradoras, com mulheres aventureiras.

A The North Face lançou uma iniciativa global focada nas mulheres, «celebrando e partilhando histórias de exploradoras femininas aventureiras e corajosas», revela a marca do grupo VF Corp, citada pelo WGSN (ver Bons ventos na The North Face).

Esta campanha representa uma forma totalmente diferente de pensar na abordagem às consumidoras por parte da marca, incluindo a abertura de muitas lojas viradas para o segmento nos EUA durante este ano.

O grupo salienta que o conceito Move Mountains «tem as suas raízes no fortalecimento da nova geração de exploradores» e inclui uma colaboração multianual de outdoor com a organização das escoteiras americanas (GSUSA).

A iniciativa tem como objetivo ser uma plataforma para a partilha de mais histórias de mulheres que se dedicam à exploração de todos os cantos do planeta e também ser um compromisso para os negócios que «tem impacto em tudo, desde a forma como são representadas em campanhas publicitárias até ao investimento em design de produtos», refere a The North Face.

Tom Herbst, vice-presidente de marketing global da marca, afirma que há muitas mulheres «incríveis e a atingir metas inspiradoras diariamente» e que não acredita que «não se vejam representadas como exploradoras». A The North Face sublinha ainda que «se houver mais exemplos a seguir, isso irá criar mais modelos de papéis femininos para as gerações futuras».

A campanha que o grupo está a realizar usa imagens e várias curtas-metragens que celebram as histórias de mulheres que estão a ultrapassar barreiras de todos os tipos, incluindo atletas da The North Face, como a alpinista Hilaree Nelson, as montanhistas Ashima Shiraishi e Margo Hayes e a corredora de grandes distâncias Fernanda Maciel. A marca quer também fortalecer a posição feminina, com exemplos de mulheres «que são pioneiras em atividades que vão para lá da exploração física», como as ativistas America Ferrera e Madame Gandhi e a cientista da NASA Tierra Guinn Fletcher.

A marca garante que está a aplicar o espírito da Move Mountains internamente, com um investimento crescente em design de produtos para o segmento feminino, um enfoque no desenvolvimento dos colaboradores e na garantia da diminuição de diferenças salariais. A iniciativa em loja para este público começa no corrente ano, no Minnesota e em São Francisco, nos EUA.