Início Notícias Tendências

O que procuraram os consumidores em 2021

O conforto, mas mais elevado, domina na lista dos artigos mais procurados na plataforma Lyst em 2021. Os jeans largos da Levi’s, um fato de noivo com saia de Thom Browne, uma sweatshirt com capuz cor de rosa da Pangaia e uma camisola às riscas de estilo náutico da & Other Stories estão entre os destaques.

Thom Browne [©Dan Levy Instagram]

No relatório “The Year in Fashion 2021”, a plataforma Lyst refere que «este ano trouxe a vacina e com ela uma transição para o “novo normal”» e que agora nos vestimos «para sair e para nos sentirmos bem». Contudo, «os efeitos do Covid continuam. Desejamos conforto e uma nova forma de vestuário de trabalho, ao mesmo tempo que os momentos nos ecrãs continuaram a influenciar-nos mais do que nunca», aponta.

Levi’s [©Levi’s]
Os artigos mais procurados entre as mais de 150 milhões de pesquisas realizadas na Lyst ilustram esta realidade. No primeiro lugar da lista surgem os jeans largos da Levi’s. Embora os jeans se tenham tornado um dos primeiros itens a serem relegados para a parte de trás do armário durante os confinamentos, a categoria está a regressar em força.

O modelo mais largo, que a Levi’s lançou no início de 2020, parece ser um dos favoritos dos fãs este ano e está a ser replicado em várias outras marcas, tendo sido usados por ícones de estilo como Gigi e Bella Hadid, Hailey e Justin Bieber, Katie Holmes e outros durante o verão.

Bottega Veneta [©Lyst]
À medida que os consumidores se afastavam das calças de treino, a procura de jeans mais largos aumentou 52% em termos anuais e os jeans baggy ou wide-leg receberam quase o dobro das pesquisas que os skinny jeans no ano até à data, indica a Lyst.

Birkenstock [©Lyst]
No segundo lugar surge o Rolex Submariner, que mostra o crescente interesse dos consumidores por relógios de luxo, seguido da mini-mala Jodie da Bottega Veneta e dos chinelos sem género Boston da Birkenstock.

Saias para eles

No quinto lugar aparecem as saias de casamento masculinas. Depois de um “fato de noivo de saia” de Thom Browne ter sido usado pela personagem David Rose, interpretada por Dan Levy, no último episódio de Schitt’s Creek, tornou-se um ícone da cultura pop.

Nensi Dojaka [©Lyst]
As pesquisas por “saias de homem de casamento” aumentou 48% em termos anuais, revela a Lyst, acrescentando que a saia plissada preta de Thom Browne foi um dos artigos mais desejados, tendo ainda entrado, pela primeira, no top 10 da categoria vestuário de homem no Lyst Index relativo ao segundo trimestre deste ano.

Mas nem só de conforto vive o homem, e, neste caso, nem as mulheres, sendo que no sexto lugar surge o minivestido assimétrico de Nensi Dojaka, inspirado nos anos 90, que mostra o entusiasmo coletivo com a volta das saídas à noite.

Prada [©Lyst]
No sétimo lugar está a mala de crochet da Prada, que esgotou em vários retalhistas e impulsionou um aumento de 56% nas pesquisas por malas de crochet feitas em casa, e os restantes três lugares da lista são ocupados por peças em malha.

Jacquemus [©Jacquemus]
O cardigan La Maille Pralù da Jacquemus, conhecido pelo fecho minimalista com apenas uma corrente à frente, tem sido usado por famosas como Megan Fox, Kendall Jenner e Hailey Bieber e ocupa a oitava posição. Segundo a Lyst, em agosto, as pesquisas aumentaram 79% para este estilo de peça em particular.

Pangaia[©Pangaia]
Já na nona posição aparece a camisola com capuz da Pangaia, que de resto é uma das marcas tendência deste ano. Mas o facto de Harry Styles ter usado a camisola com capuz em rosa Flamingo em outubro gerou uma subida de 91% das pesquisas.

& Other Stories [©& Other Stories]
«As pesquisas online pelas camisolas com capuz da marca aumentaram agora 172% ao longo deste ano», sublinha a Lyst.

No último lugar deste top 10 de artigos aparece a camisola às riscas, de inspiração náutica, da & Other Stories. «Pesquisas semelhantes à camisola de riscas minimalista da retalhista são um indicador de que os artigos com inspiração náutica estão de volta, já que as buscas por artigos em malha às riscas aumentaram 125% em termos anuais», resume a Lyst.