Início Notícias Vestuário

Peúgas Carlos Maia aposta na inovação

A fabricante de meias, que detém as marcas CM Socks e Pureco Anti-Bacterial, está a preparar um investimento no âmbito da inovação produtiva para a produção de meias que reduzem o risco de entorse do tornozelo, um projeto desenvolvido em parceria com professores universitários da Escola Superior de Saúde do Porto.

O projeto, avançado em comunicado pela Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, está atualmente em fase de preparação de uma candidatura, e tem como conceito a incorporação de suportes de tornozelo e ligaduras funcionais nas meias.

Este novo investimento em inovação produtiva faz parte da estratégia da empresa, que iniciou a sua atividade em 1995 como produtora de meias tradicionais mas que, nos últimos anos, tem vindo a lançar produtos mais técnicos, com maior valor acrescentado.

Anualmente, a Peúgas Carlos Maia produz cerca de 2,5 milhões de meias por mês e tem uma capacidade de produção que ronda os 26 milhões por ano.

A empresa conta com Lotto, Dunlop, Umbro, Hello Kitty, New Balance e Donnay entre os clientes, divididos por 20 mercados.

A empresa tem também as marcas próprias CM Socks e Pureco Anti-Bacterial, sendo que esta última é dedicada à aplicação de um tratamento antibacteriano desenvolvido pela empresa em parceria com outras entidades.

Este projeto mereceu o selo “Famalicão Visão 25” por parte da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão – o município onde a Peúgas Carlos Maia se encontra sediada –, que «distingue as boas práticas, inovadores e inspiradoras produzidas no território». A edilidade local declarou ainda o projeto de Interesse Público Municipal com a classificação de “Projeto Made 2IN”.