Início Destaques

Polygiene ganha adeptos

Da moda aos acessórios, passando pelo vestuário de desporto, a tecnologia antiodor da Polygiene está a conquistar marcas e consumidores. Nine West Apparel, KVRA e Gregory são algumas das marcas que mais recentemente adotaram a Polygiene Stays Fresh nos seus produtos.

Nine West [©Nine West Apparel]

A Nine West Apparel lançou uma coleção de loungewear na Coreia do Sul que esgotou rapidamente. Com modelos para homem e senhora, a coleção, que incorpora a tecnologia Polygiene Stays Fresh, foi lançada em colaboração com Luna, uma conhecida cantora da banda FX, e, face ao sucesso, deverá ter continuidade no outono-inverno 2021/2022.

«Estamos desejosos por desenvolver a parceria com esta conhecida marca de moda e vemos um enorme potencial para as próximas estações. Temos visto um forte crescimento na Coreia, e na Ásia em geral, e vemos que está a começar a recuperar depois deste período conturbado. A mensagem de lavar menos para produtos que duram mais e com menos desperdício é mais relevante e importante do que nunca», afirma Ulrika Björk, CEO da Polygiene.

Gi mais limpo

Quase do outro lado do mundo, a brasileira KVRA tornou-se a primeira marca a oferecer equipamento de jiu-jitsu com tecnologia Polygiene Stays Fresh. A oferta inclui o gi, também conhecido por quimono, que tradicionalmente é produzido com um tecido grosso que pode demorar até dois dias a secar depois de ser lavado, um motivo que leva muitos praticantes desta arte marcial a comprar dois ou três, para poderem usar um enquanto os outros estão a lavar e secar.

KVRA [©KVRA]
A KVRA acredita que isso pode mudar, uma vez que os atletas poderão usar o mesmo gi várias vezes, já que a tecnologia Polygiene Stays Fresh garante controlo de odores através do controlo de bactérias que causam maus odores. Ao mesmo tempo, o facto de reduzir o número de vezes que um produto precisa de ser lavado, permite poupar energia, dinheiro e tempo.

A coleção de teste, batizada Ashes of Creation, foi lançada a 17 de maio e servirá também para analisar o potencial de aplicar a tecnologia da Polygiene a outras coleções da marca para MMA e CrossFit.

«Acreditamos que temos o mesmo propósito [que a Polygiene]: oferecer uma nova e boa experiência aos nossos consumidores, mostrando que podemos usar mais e durante mais tempo. Adoramos oferecer experiências únicas, por isso, ser a primeira marca do mundo a desenvolver o primeiro gi com a tecnologia Polygiene Stays Fresh será uma das melhores experiências para os nossos consumidores», revela Alexandre Dini, coordenador de marketing e comércio eletrónico da KVRA. «Agora podem usar o gi mais do que uma vez. Isso vai acrescentar valor aos nossos produtos, trazer novas oportunidades e ajudar o ambiente. Uma vez que estamos a trazer um tipo fresco de gi, que não precisa de ser lavado a cada utilização, significa que estamos a ser responsáveis com o planeta e a procurar novas formas de ajudar os nossos consumidores», explica.

Mochilas à prova de suor

Já a marca americana Gregory está a aplicar a mesma tecnologia na rede que equipa as mochilas de caminhada Kalmia e Katmai, que fica em contacto com o corpo.

«Os nossos sujeitos usam estas mochilas durante semanas e meses em locais como o Trilho dos Apalaches, onde as mochilas são constantemente inundadas com suor e bactérias do corpo dos utilizadores. Quando chegam até nós, o cheiro é horrível. Esse cheiro a suor é a principal queixa entre as pessoas que fazem os testes e, para alguns, é razão suficiente para não querer usar a mochila», conta Matt Connors, diretor de linha de produto da Gregory, destacando que, em relação à tecnologia da Polygiene, «o que realmente nos impressionou foram os dados sobre segurança, utilização de recursos e potenciais benefícios para estender a vida do produto».

Gregory [©Polygiene]