Início Destaques

Portugal em destaque na ISAF

Nove expositores portugueses estão, a partir de hoje, na Intertextile Shanghai Apparel Fabrics, que decorre até quinta, dia 15. Para além das empresas, a presença nacional será ainda distinguida nesta 21.ª edição da feira chinesa de tecidos com a atribuição do prémio “10 years award” à ATP - Associação Têxtil e Vestuário de Portugal.

Portugal é um dos 10 países representados no Salon Europe, a área dedicada à qualidade dos artigos europeus, com as empresas nacionais a munirem-se dos seus melhores argumentos para conquistar um mercado que, segundo os dados do INE, representou 3,5 milhões de euros de exportações de tecidos entre janeiro e julho de 2015 (mais 2% do que em igual período do ano passado).

«À medida que a economia chinesa se torna mais impulsionada pelos consumo, a procura por tecidos de gama alta de compradores domésticos aumentou substancialmente, mas há ainda um grande número de compradores estrangeiros que também valorizam a capacidade de se aprovisionarem do melhor da Europa e da Ásia num único local», justifica Wendy Wen, diretora-geral da Messe Frankfurt (HK) Ltd, que organiza a Intertextile Shanghai Apparel Fabrics (ISAF) em parceria com associações locais.

No total, a organização do certame – que, depois da estreia em março, volta a realizar-se no maior recinto ferial do mundo, o National Exhibition and Convention Center, em Xangai – antecipa a presença de mais de 4.600 expositores de 29 países e regiões.

De Portugal, com o apoio da Associação Selectiva Moda (ASM), estarão presentes a Lemar, a Ribera, a Troficolor e a Vilamoura, às quais se juntam a Gierlings Velpor, a Paulo de Oliveira, a Penteadora, a Riopele e a Somelos Tecidos.

«Este é um certame que atrai imensos compradores locais e estrangeiros, que buscam acabamentos especiais e serviço», afirma, no comunicado da ASM, Flávio Dias, diretor de exportação da Troficolor. Os tecidos duplos, revestimentos especiais, jacquards, denim pronto a usar e a gama Red Selvedge são os principais destaques da empresa portuguesa para o certame.

Já a Lemar aposta em tecidos laminados, novos acabamentos e estampados e riscas pesadas para «estabelecer novos contactos e consolidar os contactos já existentes», sustenta Fátima Silva, assistente da administração da empresa.

Durante a ISAF, a ATP será distinguida com a atribuição do prémio “10 year award”, «como reconhecimento do apoio à Intertextile Shanghai Apparel Fabrics ao longo dos últimos anos», explica o comunicado da ASM.

Para além do Salon Europe, a feira contempla ainda a zona All About Sustainabilty, onde estará disponível informação sobre a nova política ambiental chinesa, que entrou em vigor no início do ano, a área Beyond Denim, dedicada ao denim e ao potencial de consumo deste tipo de produto na China, a Premium Wool Zone, centrada nos tecidos de lã, e a área Verve for Design, com 28 expositores de design têxtil de países como o Reino Unido, Japão, Rússia e Suíça. Nesta edição, a Intertextile Shanghai Apparel Fabrics estreia ainda o conceito New Performance Lab, que irá mostrar a mais recente geração de tecidos funcionais para o mercado de activewear, onde estarão 60 expositores da China, Hong Kong, Israel, Japão, Coreia e Espanha.