Início Notícias Moda

Portugal Fashion de volta a casa

Depois de ter embarcado nos voos internacionais com destino a Londres, Paris, Milão e Nova Iorque, o Portugal Fashion fez o check-in à ponte aérea num regresso a casa que, ainda assim, inclui novos destinos. A abertura de passerelle foi em Lisboa, no sábado, mas o encerramento acontece no Porto.

À 41.ª edição do Portugal Fashion, o calendário de desfiles foi reforçado, começando com um dia diferente do habitual com mais horas do que é habitual, no último sábado, dia 14, em Lisboa. O alinhamento, que sublinhou os nomes de Storytailors, Pedro Pedro, TM Collection by Teresa Martins, Carlos Gil, Luís Onofre e Alves/Gonçalves, cortou a fita à passerelle dedicada à primavera-verão 2018.

Carlos Gil

«Para nós, Lisboa não é um mero ponto de passagem do evento. O Portugal Fashion tem de facto interesse, vontade e gosto em apresentar as coleções de criadores e marcas na capital do país», afirmou Adelino Costa Matos, presidente da Anje, entidade organizadora do evento. «Lisboa é uma etapa estratégica do nosso roteiro de moda e, como tal, decidimos realizar os desfiles num sábado e com nomes de peso», justificou.

Pedro Pedro

A dupla Storytailors brindou à próxima estação quente no bar Rive-Rouge, apostando num formato diferenciado de desfile/performance, que revelou a nova coleção intitulada “Palindrome”.

Já no cenário industrial e austero do Armazém 16, a revisão aos anos 1980 de Pedro Pedro, os bordados da TM Collection by Teresa Martins, o sporty-chic de Carlos Gil, os brilhos nos pés de Luís Onofre e a organza plissada da dupla Alves/Gonçalves garantiram um primeiro dia de desfiles memorável.

Rumo ao Porto

A 41.ª edição do Portugal Fashion tem agora como destino a cidade Invicta, onde aterra na quinta-feira, 19 de outubro, para um dia de desfiles integralmente dedicado aos jovens designers do projeto Bloom. Estão previstos 10 desfiles Bloom no Museu do Carro Elétrico, em Massarelos, entre as 12 e as 23 horas. Para além de seis desfiles individuais e um duplo, o Portugal Fashion reforça a participação de estabelecimentos de ensino e cursos especializados em moda no seu calendário de desfiles. Às já habituais Escola de Moda do Porto, Modatex e Esad, juntam-se, nesta edição, o curso de Design de Moda da Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa, o Cenatex (Guimarães) e a Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco.

Alves/Gonçalves

No segundo dia de desfiles no Porto, na Alfândega, desvendam-se as coleções primavera-verão 2018 de Carla Pontes (16h), Estelita Mendonça (17h), Susana Bettencourt (18h) e Hugo Costa (21h30). No quartel-geral do Portugal Fashion cruzam também a passerelle as propostas de Júlio Torcato (19h), Diogo Miranda (20h), Anabela Baldaque (22h30) e Miguel Vieira (23h30).

O 41.º Portugal Fashion encerra, a 21 de outubro, com um dia de desfiles heterogéneo, incluindo moda de autor, pronto-a-vestir, alfaiataria e calçado. Destaque para os desfiles de Katty Xiomara, no antigo Matadouro Industrial do Porto (11h, Campanhã), e de Luís Buchinho, na Casa do Cais Novo (13h, Ribeira).

Luís Onofre

No edifício que será convertido em Museu da Indústria, com uma valência dedicada à arte contemporânea, o desfile de Katty Xiomara servirá de pretexto para uma grande festa de cultura urbana. Com gestão artística da Circus Network, 14 artistas de street art vão pintar um mural de 60 metros no antigo matadouro, recriando o ambiente de Miami e, em particular, do Wynwood Arts District, que inspira a nova coleção da criadora, batizada “Parachute Trip”.

De regresso à Alfândega do Porto, o evento continua, no início da tarde de sábado, com os desfiles de Nuno Baltazar (15h) e Alexandra Moura (16h). O programa inclui ainda o desfile das marcas de calçado Ambitious, Dkode, Fly London, J. Reinaldo, Nobrand e Rufel, a partir das 18h, as propostas das marcas Pé de Chumbo (17h), Lion of Porches (19h30), Dielmar (22h30) e Ana Sousa (23h30) e a primavera-verão 2018 de Micaela Oliveira (21h30).

Eventos paralelos

TM Collection

Ainda nos dias 20 e 21, a Alfândega do Porto recebe, em paralelo com os desfiles, o showroom Brand Up. A mostra de coleções de designers e marcas dirige-se sobretudo a agentes de compras nacionais e internacionais, mas está aberta ao público em geral. O calçado e a joalharia vão estar em destaque no Brand Up, com uma grande representação de criadores e marcas.

Também em paralelo com os desfiles, vai ter lugar na Alfândega do Porto o congresso Create – Inovate – Design, um evento organizado pela Associative Design no âmbito de uma parceria com a Anje. Estão previstas palestras sobre design, bem como a inauguração da Galeria Associative Design e a apresentação dos resultados do AD Challenge’17, no âmbito do qual foram convidados 20 designers (15 nacionais e cinco internacionais) a apresentarem propostas de design de mobiliário em madeira.