Início Arquivo

Portugal marca na Textilmoda

O balanço final da sétima edição da feira Textilmoda, feira internacional de tecidos para a confecção e acessórios, que decorreu de 28 a 30 de Setembro, em Madrid, contou com 3.468 profissionais, destacando-se a sua qualificação profissional e capacidade de decisão. A forma como decorreu foi muito satisfatória para as empresas expositoras, que viram cumpridos os seus objectivos, e para os visitantes, que encontraram uma das maiores e melhores plataformas espanholas para o negócio do sector, uma vez que cerca de 90% dos visitantes eram espanhóis. No âmbito internacional, a Textilmoda contabilizou 297 profissionais estrangeiros, principalmente de Portugal, com 57%, América-Latina, com 11%, e a CE, com 14%.

A feira reuniu 270 expositores, que mostraram as colecções e tendências de moda em tecidos e acessórios para a temporada Outono/Inverno 2005.06. Foi relevante a variedade da oferta apresentada. Como em edições anteriores, destacou-se o elevado número de empresas estrangeiras, cerca de 49%. Os principais países de procedência, na maioria da CE, foram Itália, França e Portugal. As empresas nacionais presentes foram: Albano Morgado, António José Cordeiro Pereira Nina, Famir, Fitecom, Gierlings Velpor, J. B. T. Tecidos, Luís Azevedo e Filhos e Sanmartin.

A colecção de tecidos para o Outono/Inverno 2005.06 destacava a fantasia e os contrastes, sem esquecer a funcionalidade e o conforto. O Fórum de Tendências reuniu mais de 1.000 amostras, e acolheu o «Espaço Último Minuto», com as propostas criadas nos dias imediatamente anteriores ao salão. Foi apresentada, em colaboração com a Promostyl, o Caderno de Tendências da nova temporada, que completa a informação do Fórum.

Segundo a organização, as próximas edições da Textilmoda verão as suas datas adiantadas e ocorrerão nas semanas anteriores à Modtissimo e à Premiere Vision. Aedição de Fevereiro terá lugar entre 22 e 24 de Fevereiro.