Início Notícias Moda

Première Vision abre o jogo

A feira de fios, tecidos, acessórios, confeção, couro e design de Paris já revelou algumas das novidades que os visitantes poderão encontrar a partir de hoje e até 17 de setembro, incluindo a seleção dos candidatos aos PV Awards, uma lista onde se encontram duas empresas portuguesas.

Teviz by Polopique e Vilartex – esta última presente pela primeira vez no salão de tecidos parisiense – são as duas selecionadas pelo júri internacional para os PV Awards Fabrics, que pretende distinguir os melhores tecidos e malhas segundo critérios como toque, criatividade e qualidade. As duas empresas portuguesas fazem parte de uma lista de 79 empresas (num total de 94 produtos selecionados) de onde sairão os vencedores dos três prémios do júri. A cerimónia de entrega de prémios, que vai já na sua sétima edição, terá lugar hoje, o primeiro dia de abertura de portas do certame.

As duas selecionadas nacionais estão, porém, longe de estar sozinhas na feira parisiense, já que, no total, marcam presença 51 empresas portuguesas, cinco das quais em estreia: Cotex, Otojal by OTS, Joaps Malhas, Tintex e Vilartex. Portugal é, de resto, a sétima nacionalidade mais representada – a seguir a, respetivamente, Itália, França, Reino Unido, Turquia, Espanha e Alemanha – entre o total dos 1.915 expositores presentes.

As novidades da Première Vision Paris vão além dos 153 expositores estreantes, com a organização a procurar reorganizar a oferta e a criar novas áreas. «As mudanças estratégicas, as reestruturações e os desenvolvimentos iniciados em fevereiro de 2015 com o lançamento de uma nova política de marca comum são reforçados e solidificados na feira que terá lugar de 15 a 17 de setembro no parque de exposições Paris Nord Villepinte», destaca a Première Vision.

Na Première Vision Fabrics, as mudanças são sobretudo ao nível da identificação das áreas para «refletir a diversidade e desenvolvimento das coleções», com os universos de estilo a serem substituídos por universos de produto, como bordados, sedas ou estampados, por exemplo. «Esta reestruturação torna possível reduzir o número de sectores – de 19 para 11», destacam os responsáveis.

A feira contempla ainda uma nova área, batizada Upper Jeanswear, dedicada à oferta de denim, inserida na interseção dos salões Première Vision Fabrics e Première Vision Manufacturing, juntando assim lavandarias, tinturarias, produtores de tecidos e confecionadores no mesmo espaço. Na Première Vision Accessories, a principal novidade é o lançamento do Shoe Focus, dedicado exclusivamente a componentes técnicos para calçado.

Os visitantes da feira, que na edição de setembro do ano passado ultrapassaram 62.400, podem ainda conhecer as tendências para o outono-inverno 2016/2017 nos seminários Season Trend Tasting, Colour Trend Tasting e Fabrics Trend Tasting, que decorrem em diferentes horários nos três dias da Première Vision Paris.