Início Revista de Imprensa

Revista de Imprensa

  1. As empresas mais felizes de Portugal são…
  2. Lisboa vence Eurovisão das startups
  3. Indústria 4.0 toma conta do Europarque com 4,5 mil milhões na mira
  4. Abertura dos mercados: May sem maioria não abala bolsas mas afunda a libra
  5. Bancos centrais da França e Alemanha melhoram estimativas de crescimento até 2019
  6. Empreendedorismo. Por cada empresa que fecha abrem 3,6 novas
  7. Outros

1As empresas mais felizes de Portugal são…

Conheça os vencedores do estudo Happiness Works, fruto de uma parceria entre o docente e investigador da Universidade Atlântica Georg Dütschke e a consultora Lukkap Portugal, que é publicado anualmente pela Exame.

2Lisboa vence Eurovisão das startups

dinheirovivoA capital do país venceu na categoria de município, no concurso da Comissão Europeia que não tinha mais nenhum finalista português.

3Indústria 4.0 toma conta do Europarque com 4,5 mil milhões na mira

Representantes do Governo e de Bruxelas, gestores e empresários vão esta sexta-feira e sábado ao Europarque para debater os impactos e os instrumentos de apoio à quarta revolução industrial da nossa economia, que deverá receber 4,5 mil milhões de euros nos próximos quatro anos.

4Abertura dos mercados: May sem maioria não abala bolsas mas afunda a libra

As bolsas europeias estão a reagir de forma positiva à vitória, sem maioria absoluta, de Theresa May nas eleições. Os juros estão em queda ligeira enquanto a libra já atingiu mínimos desde a eleição de Trump.

5Bancos centrais da França e Alemanha melhoram estimativas de crescimento até 2019

Os bancos centrais dos dois países reviram em alta as suas estimativas de crescimento até 2019 e baixaram as projecções para a inflação.

6Empreendedorismo. Por cada empresa que fecha abrem 3,6 novas

dinheirovivoNo último dia do Lisbon Investment Summit, o secretário de estado da Indústria fez um balanço da estratégia nacional Startup Portugal.

7Outros

Reino Unido. Quatro respostas sobre as eleições

Os resultados finais das eleições britânicas só são apurados ao meio-dia mas uma coisa é certa: a primeira-ministra Theresa May perdeu a maioria no Parlamento britânico, no que é um golpe duro para o Partido Conservador e tem sido apelidado de tiro no pé, já que foi a própria primeira-ministra que convocou eleições antecipadas.

Direito ao desligamento: Governo remete para negociação coletiva

O Governo remete para o âmbito da negociação da contratação coletiva, “sem prejuízo de poder ser debatida com os parceiros sociais no âmbito” da Concertação Social, o direito aos trabalhadores desligarem-se do trabalho fora do seu horário, como recomenda o CDS num projeto de resolução que é discutido e votado esta sexta-feira.

dinheirovivo

Alibaba prevê crescimento das receitas em 49% em 2018

O crescimento previsto fica abaixo daquele registado no final do ano fiscal de 2017, a 31 de março, em que a receitas cresceram 56%. O valor superou as previsões da empresa, que esperava crescer cerca de 48%.

L’Oréal negoceia venda da The Body Shop à Natura

A L’Oréal confirmou esta sexta-feira que mantém negociações exclusivas com a marca brasileira Natura para a venda da The Body Shop, após ter recebido uma proposta vinculativa.

Fisco alarga entrega da Informação Empresarial Simplificada

Em vez de 17 de julho, as empresas vão poder entregar a IES até ao dia 22 de julho. Este prolongamento foi determinado pelo secretário de Estado dos Assuntos Fiscais e justificado pelo facto de os requisitos de preenchimento e validação desta declaração anual terem sido alvo de alguns ajustamentos.

Produção industrial no Reino Unido recua 0,8% em abril

A produção industrial no Reino Unido recuou 0,8% em abril, face a igual mês de 2016 e aumentou 0,2% face a março, o que sinaliza que a economia tarda em recuperar, anunciou o departamento de estatística britânico.

Catalunha vota independência a 1 de outubro

Os responsáveis catalães acusam o Governo espanhol de “não querer participar na solução” que responda às reivindicações da Catalunha.

ri.jornalnegocios

Imperador do Japão tem caminho livre para renúncia histórica em 2018

O parlamento japonês aprovou esta sexta-feira um diploma que permite que o imperador Akihito abdique e ceda o trono ao seu filho Naruhito. Será a primeira renúncia em 200 anos na família real nipónica.

António Costa no Chile e Argentina com uma forte componente económica na agenda

O primeiro-ministro inicia na segunda-feira visitas oficiais à Argentina e ao Chile, num programa que inclui encontros institucionais com os chefes de Estado dos dois países sul-americanos e que possui uma forte componente económica.

ri.noticiasaominuto

Sofia Cotrim dá workshop de DIY no MAR Shopping Matosinhos

Se gosta de trabalhos manuais e de se aventurar em projetos de ‘Arts & Crafts’ o blogue e o programa de televisão (Sic Mulher) ‘O Mundo de Sofia’ é certamente uma referência. A sua autora, Sofia Cotrim vai no dia 10 de junho, sábado, partilhar as suas melhores dicas, em pessoa no MAR Shopping de Matosinhos.

oje

Qatar: Bloqueio aumenta preços e riscos de incumprimento

Com as fronteiras terrestres e marítimas fechadas, os mais de 200 mil milhões de euros que valem os projetos que suportam a realização do Mundial de Futebol no Qatar estão em risco. As rotas alternativas aumentarão os preços dos materiais necessários e poderão ser oportunidade para os portos vizinhos.

Ainda faz pagamentos com cadernetas? Isso vai acabar

Tem aquelas cadernetas da Caixa Geral de Depósitos e usa-as para fazer pagamentos? A partir de 2018, a caderneta deixa de ter essa função.

ri.portugalnews

“Business Opportunities Seminar”

O BAfD – Banco Africano de Desenvolvimento promove o “Business Opportunities Seminar”, que se realiza entre 20 e 21 de junho, na sede do banco, em Abdijan, na Costa do Marfim.

“European Business Confidence Survey 2017”

O estudo “European Business Confidence Survey 2017” foi lançado pela Câmara de Comércio da União Europeia na China, em parceria com a Roland Berger, no dia 31 de maio. Este estudo contou com o contributo de mais de 500 empresas europeias pertencentes à Câmara de Comércio, pretendendo apresentar uma visão geral do desemprenho destas empresas e as suas perspetivas relativamente ao mercado chinês.