Início Revista de Imprensa

Revista de Imprensa

  1. Economist prevê que Portugal cresça 2,4% este ano
  2. Indústria da Zona Euro cresce para máximos de seis anos
  3. Eurostat contraria INE e diz que desemprego estabiliza nos 9,8%
  4. Brexit: delegação independente tenta negociar acordo comercial com Bruxelas
  5. Quase 20% das empresas portuguesas já vendem online
  6. Celso de Lemos: se é para fazer, “é para fazer o melhor”
  7. Outros

1Economist prevê que Portugal cresça 2,4% este ano

As eleições autárquicas não devem representar um foco de instabilidade política em Portugal, ainda que possam trazer alguma tensão entre o PS e os partidos que o apoiam no Parlamento, prevêem os economistas da revista britânica The Economist.

2Indústria da Zona Euro cresce para máximos de seis anos

A indústria na Zona Euro acelerou, crescendo ao ritmo mais rápido dos últimos seis anos.

3Eurostat contraria INE e diz que desemprego estabiliza nos 9,8%

A taxa de desemprego em Portugal estabilizou nos 9,8% em Maio, de acordo com o Eurostat. O INE tinha reportado uma queda para 9,4% no mesmo mês.

4Brexit: delegação independente tenta negociar acordo comercial com Bruxelas

ojeDepois do referendo do Brexit, várias empresas internacionais, incluindo financeiras, começaram a planear mudar sedes e negócios para outros países, levantando questões sobre o futuro do Reino Unido.

5Quase 20% das empresas portuguesas já vendem online

Portugal está ligeiramente acima da média europeia. Há um ano, o ministro Caldeira Cabral já tinha deixado o aviso de que o país só teria a ganhar com a indústria 4.0

6Celso de Lemos: se é para fazer, “é para fazer o melhor”

Quando começou, da garagem da mãe, a produzir tapetes, Celso de Lemos sabia uma coisa: que teriam de ser os melhores mundo. Assim nasceu a Quinta de Lemos.

7Outros

Portugal fora do ranking de melhores mestrados em empreendedorismo

Nenhuma das 50 escolas de negócio listadas no ranking do Financial Times com os melhores mestrados em empreendedorismo é portuguesa. A tabela foi divulgada esta segunda-feira e é encabeçada pela norte-americana Stanford Graduate School of Business.

Baixa nos combustíveis só durou quatro semanas

Gasóleo vai subir meio cêntimo por litro a partir de segunda-feira, a gasolina deve manter-se inalterada. Quebras consecutivas trouxeram alguma poupança ao consumidor

dinheirovivo

Colocar moedas no banco pode sair caro

A Deco fez as contas e deixa o aviso. Abrir uma conta bancária para um menor tem custos que devem ser analisados.

Desemprego diminui em todos os Estados-membros

A comissária europeia para o Emprego, Marianne Thyssen, destacou hoje que a taxa de desemprego baixou em maio, e pela primeira vez desde que há registos (2001) em todos os Estados-membros, em termos homólogos.

ri.jornalnegocios

Pergunta para um milhão de euros: Vem aí um Verão agitado nas bolsas?

Ugo Montrucchio acredita que a economia mundial deverá continuar a recuperar e os bancos centrais vão ser cautelosos a gerir a sua política de estímulos.

“Salários congelados são um convite à gestão mediana”, diz líder da Associação de Empresas Familiares

Peter Villax diz que é preciso desafiar os empresários e gestores portugueses a terem melhores negócios, mercados e produtos. “Não nos interessa o filme dos salários baixos”, afirma.

ri.noticiasaominuto

Fashion tech festival: O presente e o futuro da indústria da moda

Criativos, influenciadores, representantes de grandes marcas e curiosos juntaram-se na semana passada em Paris para um evento que continua a ganhar estatuto e a caminhar para se tornar um dos mais importantes encontros da moda tecnológica: o Look Forward Fashion Tech Festival.

Entrada da Guiné Equatorial na OPEP não dá “contribuição significativa”

A Economist Intelligence Unit (EIU) considerou hoje que a entrada da Guiné Equatorial na Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) não traz vantagens para ninguém devido à pouca relevância na produção e ao difícil clima de negócios.

oje

Energia eólica vendida 236% mais cara, mas não há falta de procura

Portugal até poder ser exemplo de aproveitamento de energias limpas, mas os encargos pesam nas faturas da luz. Toda a a energia continua vendida porque é a primeira no sistema elétrico.

ri.portugalnews

Jornadas Networking Portugal – Marrocos | Têxtil / Vestuário / Moda

No próximo dia 6 de julho, irá ter lugar nas instalações do CITEVE em Vila Nova de Famalicão, as Jornadas em assunto, no âmbito das quais estão previstas as apresentações sobre o setor têxtil em Portugal e o Papel do CITEVE e do CeNTI, no Quadro das Megatendências de Inovação no Setor, bem como a apresentação das Oportunidades de Cooperação e de Investimento em Marrocos.

ri.publico

Sistema informático do fisco só teve “apagão” nas declarações dos offshores

A tecnologia também era usada para tratar taxas liberatórias e valores mobiliários, mas aí não teve falhas.