Início Revista de Imprensa

Revista de Imprensa

  1. “Estratégia de sustentabilidade” para o projecto D’Avó With Love é meta para 2016
  2. Hermann Simon: “A maior barreira ao crescimento em Portugal é cultural”
  3. FMI elimina exceção que permitiu resgate português
  4. Sonae atenta a novas oportunidades de compra internacionais
  5. Portugal tem a confiança dos investidores e vai mantê-la”
  6. Outros

1“Estratégia de sustentabilidade” para o projecto D’Avó With Love é meta para 2016

Depois do “sucesso” na ‘Heimtextil’ – certame organizado pela Messe Frankfurt que, de 12 a 15 de Janeiro, fez da cidade alemã a capital internacional do têxtil-lar, o projecto D’Avó With Love tem agora como meta para este ano encontrar uma estratégia de sustentabilidade.

2Hermann Simon: “A maior barreira ao crescimento em Portugal é cultural”

Especialista de gestão veio dar a conhecer às PME portuguesas as razões do sucesso do Mittelstand, o tecido empresarial de excelência alemão.

3FMI elimina exceção que permitiu resgate português

Regra criada em 2010 permitiu a ajuda do FMI, apesar das dúvidas sobre a sustentabilidade da dívida de países como Portugal.

4Sonae atenta a novas oportunidades de compra internacionais

As vendas internacionais do grupo co-liderado por Ãngelo Paupério e Paulo Azevedo subiram 5,1% para 378 milhões de euros.

5Portugal tem a confiança dos investidores e vai mantê-la”

O Ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, reagiu hoje aos receios manifestados pela gestora de ativos BlackRock de continuar a investir em Portugal, afirmando que o país “tem a confiança dos investidores e vai mantê-la”.

6Outros

Lisboa ganha 1,35% a recuperar da abertura

Europa também segue no verde, apesar da queda ligeira dos preços do crude.

Governo vai alterar regras de acesso à reforma antecipada

Requerentes vão ter oportunidade de desistir depois de saberem o valor da pensão.

Costa confiante em entendimento com Bruxelas sobre OE2016

Primeiro-ministro garante que o documento permite cumprir as obrigações europeias e ao mesmo tempo permite virar a página da austeridade.