Início Arquivo

Ricon a caminho do Brasil

A Ricon prepara um ambicioso plano de internacionalização, que representa um investimento de três milhões de contos até 2002, e que se divide em duas vertentes: criação de redes de distribuição e deslocalização industrial.

No primeiro caso, em causa estão as marcas Gant e Decénio e os destinos são Brasil, Espanha e Grécia; no segundo os palcos de acção são Marrocos e, de novo, o Brasil.

É, de resto, em terras de Santa Cruz que se centraliza a maior aposta. O objectivo é a abertura de lojas da marca própria Decénio e da Gant USA ainda durante o corrente ano. A cidade de S. Paulo, por exemplo, deverá acolher entre três a quatro lojas, de cada uma das marcas.

Ainda no Brasil, o grupo têxtil de Vila Nova de Famalicão ensaia a hipótese de abrir uma unidade de produção. Dois argumentos fortes, solidificam esta possibilidade: o custo de mão-de-obra, mais acessível no Brasil, e as elevadas taxas aduaneiras aplicadas aos produtos que lá chegam.

Ainda no capítulo da deslocalização industrial, é ainda assumido um outro destino possível, Marrocos. O Norte de África é bem menos distante da casa-mãe e esse é já um dos principais mercados de exportação da empresa.

A Europa está também debaixo de olho dos responsáveis da Ricon, sobretudo Espanha e Grécia. Nestes países deverão ser abertas diversas lojas, com parceiros locais, não estando contudo ainda definido o número exacto de espaços. Certo é que a Ricon quer chegar às grandes cidades e em cada uma delas a média de estabelecimentos delas será igual à do Brasil: entre três e quatro.

A Ricon fechou o último exercício com vendas na casa dos nove milhões de contos. Destes, 6,6 milhões resultaram das três unidades produtivas que detém e das lojas da Decénio; o restante reporta-se à Delveste, empresa que distribui a Gant USA. Refira-se que as receitas de exportação atingiram os 5,4 milhões de contos.

As novidades da Ricon contemplam ainda a entrada no segmento senhora. A linha de roupa feminina, que deverá surgir no próximo ano na colecção Outono/Inverno, está actualmente a ser desenvolvida por uma equipa de criadores próprios.