Início Destaques

Robustelli e For.Tex em fusão

As duas subsidiárias da Epson vão fundir-se no final do ano para «impulsionar a digitalização da impressão têxtil», numa ação que deverá permitir a otimização da tecnologia de jato de tinta e a criação de soluções de proximidade para os seus clientes.

Magí Besolí [©C!Print Madrid]

O anúncio foi feito no final de junho pela Seik Epson Corporation. «A Epson encara a impressão têxtil como uma das áreas de maior crescimento potencial para as suas soluções de impressão profissional», afirma o comunicado, que explica que «o crescimento será impulsionado pela mudança das soluções de impressão analógica com base em chapa para soluções de impressão digital».

Como tal, a fusão da Robustelli e da For.Tex, ambas adquiridas em 2016, será «uma importante oportunidade para otimizar a sua tecnologia de jato de tinta e expandir o negócio, fortalecendo ainda mais a sua gama de produtos de impressão têxtil e as suas operações nesse mercado», aponta a Epson.

Sediadas em Como, Itália, a Robustelli desenvolve e constrói impressoras têxteis, enquanto a For.Tex atua principalmente na venda de tintas e serviços associados. «A fusão da Robustelli e da For.Tex integrará a gestão e posicionará as duas empresas para oferecerem melhores soluções de proximidade para impressoras digitais de jato de tinta, consumíveis e serviços», refere o comunicado.

De acordo com a Epson, a indústria mundial de impressão têxtil está a enfrentar «um grande desafio» para conseguir responder às preferências dos consumidores por designs únicos e personalizados, que se revelam em encomendas mais pequenas, prazos mais curtos e a exigência de um menor impacto ambiental na produção. «As soluções de jato de tinta da Epson podem aumentar a produtividade do utilizador e reduzir a sua pegada ambiental. Estas soluções permitem produções curtas, reduzem os tempos de fornecimento, atenuam o impacto ambiental e ajudam a resolver outros problemas comuns na indústria de impressão têxtil», indica.

SC-F10000 [©Epson]
A empresa tem, de resto, procurado adaptar-se às atuais exigências do mercado e, no início de julho, anunciou a sua primeira impressora de 76 polegadas (195 centímetros) para impressão por sublimação, «ideal para várias aplicações como moda, vestuário de desporto, artigos de decoração para a casa, itens promocionais e outdoors iluminados».

Segundo Magí Besolí, Business Manager da Epson Ibérica, «no sector da estamparia por sublimação, os clientes exigem prazos de entrega rápidos, desempenho consistente, alta qualidade de impressão e fiabilidade. Com estes requisitos em mente, desenvolvemos uma solução industrial de impressão por sublimação que, acreditamos, estabelece um novo padrão».

A SC-F10000, como foi batizada, oferece, segundo a empresa, a impressão mais rápida de toda a gama de grandes formatos da Epson e está equipada com quatro cabeças de impressão PrecisionCore Micro TFP e uma solução de depósito de tinta que pode ser rapidamente trocado. «A nossa história é construída à volta da inovação e este é um daqueles momentos em que superamos os padrões do mercado em termos de produtividade para o sector da sublimação», sublinha Besolí.