Início Notícias Tecnologia

Ruy de Lacerda renova site e marca

Perto de celebrar o seu 70.º aniversário, a empresa lançou um novo website, mais fácil e intuitivo, para responder às necessidades dos seus clientes. Um passo numa visão estratégica a longo prazo que inclui a aposta em parcerias com líderes europeus e o regresso da marca RuyDeLacerda.

O site está organizado de forma a que os produtos disponibilizados pela Ruy de Lacerda sejam facilmente encontrados pelos seus clientes, ao mesmo tempo que «quem visualiza se identifique com aquilo que procura e com aquilo que mais lhe pode interessar», explica Luís Zamith, diretor de marketing e responsável da unidade de negócio da empresa. À organização junta-se «um campo de pesquisa para que facilmente se possa encontrar o produto desejado e um campo, com filtros, com os mais variados segmentos de negócio à escolha, para que a RuyDeLacerda possa ser solicitada a oferecer soluções específicas», destaca.

No website, é possível encontrar a oferta para seis áreas de negócio: indústria gráfica, indústria de plásticos, papel & cartão, reciclagem, indústria da borracha e manutenção industrial. Em cada um destes segmentos de negócio estão disponíveis os produtos e as empresas e marcas representadas pela Ruy de Lacerda, assim como um espaço denominado “Qual o seu negócio?” onde os interessados podem deixar o contacto e uma mensagem em busca de soluções personalizadas.

A criação da nova plataforma, de resto, teve como objetivo «a modernização e atualização, para uma maior agilidade no acesso à pesquisa e à informação, dando maior relevo aos nossos principais parceiros de negócio e aos seus produtos», justifica Luís Zamith.

Desta estratégia de proximidade aos clientes faz também parte um regresso à marca RuyDeLacerda, «a conjugação de um rebrand da marca RuyDeLacerda, ancorada nos valores do comércio do seu fundador, da empresa familiar a caminho dos 70 anos de atividade, em 2020, e numa liderança na terceira geração», refere o diretor de marketing e responsável da unidade de negócio.

Mudanças bem acolhidas por «parceiros de negócios, clientes e representadas estrangeiras», confirma Luís Zamith.

Pensar o futuro

A empresa, conhecida na indústria têxtil e vestuário pela representação de equipamentos e consumíveis para estamparia, confirma que, neste sector, «continuamos a sentir uma enorme dinâmica das empresas de referência no mundo têxtil nacional para a inovação tecnológica em automação», explica.

Apesar das incertezas provocadas pelo Brexit e outras questões políticas e económicas, o facto da «dimensão da maioria do nosso tecido empresarial ser PME familiar tem-nos mostrado uma enorme capacidade de dar respostas rápidas, com grande flexibilidade, de qualidade e em preço, às novas exigências do mercado. Estamos confiantes e vemos uma tendência clara para acrescentar valor e funcionalidades à moda, como o exemplo da estamparia à peça», indica o diretor de marketing e responsável da unidade de negócio.

Antecipando um ano de 2019 «positivo, numa evolução de anos anteriores igualmente positivos», a empresa está já a preparar 2020. «A RuyDeLacerda irá, já no inicio do próximo ano, realizar uma formação aos seus quadros para elevar os níveis de desempenho pessoal e profissional através de técnicas e sistemas de modelação da excelência humana, formação denominada “Alto Desempenho com Programação Neurolinguística”», desvenda.

Quanto ao futuro, as sete décadas de existência fazem com que a Ruy de Lacerda pense não a curto mas a longo prazo. «A nossa visão estratégica não se confina a um ano mas sim a médio-longo prazo, pela aposta em parceiros líderes europeus, pela personalização tecnológica da nossa atividade, diversificação no nosso “core”, apoio permanente aos nossos clientes, seja em formação ou serviços técnicos, e pela sustentabilidade financeira da nossa atividade», conclui Luís Zamith.