Início Arquivo

Sector de criança bem sucedido no Chile

Os produtos para criança representam um grande mercado no Chile, sendo que a indústria de fraldas regista vendas no valor de 100 milhões de dólares por ano e a indústria de vestuário para criança com menos de quatro anos vende cerca de 12 milhões anualmente. De acordo com Jacqueline Sitniski, gerente comercial da Sigrun SA, dona da cadeia de lojas Baby Graco Store, os chilenos têm cada vez mais conhecimento dos melhores produtos no mercado. Muito foi já conseguido neste sector, graças à expansão do mercado de importação de vestuário de criança, e às suas exigências. A Baby Graco Store representa cerca de 20 por cento do mercado chileno de vestuário para bebé, enfermagem, alimentação, roupa de cama e acessórios, com 11 lojas em todo o país. Empresas como a Motta, Norel, Collocky e Bebeline são os principais produtores locais, sendo que a última produz para cerca de 10 por cento do mercado através de acordos de distribuição com a cadeia de armazéns Ripley. Esta tem dois “outlets” em Santiago e em breve terá mais uma no centro comercial Mall Parque Arauco. Para o ano que iniciou em Junho de 2003, a Ripley espera vender um milhão de dólares em roupa de criança. O director-geral da Ripley, Gerardo Flores afirmou que «devido à globalização, o mercado tem tendência a procurar menores custos de produção, o que hoje em dia parece ser complicado para os produtores locais, devido à depressão do mercado da América Latina». «Aparentemente, o México, a Argentina e o Peru estão dispostos a competir com os baixos custos base, através uma maior capacidade de produção de vestuário. Por outro lado, Gerardo Flores afirma que o mercado de bebé e criança, materiais de qualidade e design mais tradicional, assim como melhores condições de saúde, serão mais prontamente recebidas pelos consumidores. As lojas da especialidade e marcas internacionais lucram mais com o mercado de criança e jovens, assim como o sector de criança. As marcas desportivas de calçado, nomeadamente a Nike e a Spalding, e o retalho entre os 18 dólares e os 28 dólares, vai ser também bem recebida no Chile. Este mercado tem perspectivas de crescer, à medida que novos produtos vão sendo lançados.