Início Notícias Retalho

Springfield abre loja no metaverso

A marca da Tendam acaba de lançar uma coleção digital exclusivamente para as plataformas Roblox e Decentraland. A Springfield Metacollection bebe inspiração numa coleção física existente e os utilizadores podem comprar as roupas para os seus avatares nas lojas online.

[©Springfield]

As compras efetuadas no Roblox «só poderão usadas nessa plataforma, enquanto aqueles que as adquirirem na Decentraland desfrutarão da propriedade exclusiva dessa roupa e poderão usá-la em outros espaços, graças à tecnologia blockchain», revela a Springfield.

O projeto foi desenvolvido em colaboração com a Playoffnations, uma empresa espanhola especializada em experiências no metaverso, e com a Web 3 e a AlterHeaven, também especialista em metaverso.

«A moda é uma expressão de personalidade e, como no mundo físico, cada pessoa poderá escolher o seu avatar único», explica Rosario Treviño, diretora de comunicação e marketing da Springfield. «O avatar em si é moda, uma expressão digital da sua personalidade e de como pretende ser vista», afirma.

A Springfield junta-se assim à lista de marcas que mergulharam no mundo imersivo, como a Zara, a Pinko, a Benetton ou a H&M.

Detida pelo grupo Tendam, que aumentou as suas vendas 12,1% na primeira metade do corrente exercício fiscal, para 577,4 milhões de euros – também proprietário das marcas Cortefiel, Pedro del Hierro, Women’secret, Hoss Intropia, High Spirits, Slow Love, Dash and Stars, Ooto e Fifty –, a Springfield detém atualmente uma rede composta por 750 lojas.