Início Destaques

Sustentabilidade inspira fibras

A Naia Renew, da Eastman, e a creora bio, da Hyosung, são duas soluções de fibras pensadas para tornar a indústria da moda mais consciente e mais amiga do ambiente, sem prescindir da qualidade, do estilo e da performance.

«Para os designers que se recusam a comprometer a criatividade, o estilo e a performance, a Naia Renew é a escolha sustentável perfeita», garante a Eastman na publirreportagem Fibras Dinâmicas, publicada na edição de outubro do Jornal Têxtil. A fibra, que é produzida com 60% de polpa de madeira aprovisionada de forma sustentável e 40% de resíduos reciclados, permite criar «produtos de elevada qualidade amigos do ambiente que têm estilom, são fáceis de cuidar e tão confortáveis na consciência como na pele», sublinha a Eastman.

A Hyosung, por seu lado, aposta na fibra de elastano creora de base bio, uma «fibra sustentável produzida com matéria-prima à base de plantas e em condições amigas do ambiente», salienta. Com 30% de materiais derivados de petróleo substituídos por matérias-primas naturais provenientes da produção de milho, a creora bio, que em Portugal é representada pela Dtexcom, reduz a pegada de carbono em 23% em comparação com a produção convencional de elastano.

Soluções para descobrir na publirreportagem Fibras Dinâmicas, publicada na edição de outubro de 2022 do Jornal Têxtil.