Início Arquivo

Textrends de volta à Ispo

A maior feira profissional dedicada ao mundo do desporto regressa de 26 a 29 de janeiro a Munique e traz consigo mais uma edição do Ispo Textrends Forum, uma área dedicada à inovação em materiais têxteis e acessórios que se estreou, com sucesso, em 2013. «Não há muitas plataformas na Ispo Munich que recebam uma resposta tão positiva e comecem com uma aceitação e sucesso tão esmagadores como a Ispo Textrends Forum. Mais de 1.500 visitantes profissionais usaram o Forum no hall C2 para ver os novos materiais e informação e preparar as reuniões», revelou Markus Hefter, diretor de projeto da Ispo Munich, que na última edição recebeu 81 mil visitas de 109 países. Com o objetivo de destacar o que de mais inovador se faz em oito categorias de produto – Primeira Camada, Segunda Camada, Camada Exterior, Costuras, Fibras e Isolamento, Membranas, Acessórios e Equipamento (produtos de performance para tendas, mochilas, etc.) –, as empresas estão novamente a ser desafiadas a enviar um máximo de cinco amostras por cada categoria para serem avaliadas por um júri internacional, que volta a incluir o especialista português Hélder Rosendo, subdiretor-geral do Citeve. O prazo para o envio das amostras termina amanhã, devendo as mesmas ter em conta não só a inovação mas também as tendências têxteis para o outono-inverno 2015/2016, que podem ser consultadas no website da feira. Aberto a expositores e não-expositores, Ispo Textrends Forum para 2014 foi apresentado na mais recente edição do Modtissimo por Bernhard Heinz, da Agência Pascher + Heinz, e Tânia Barros, representante da Feira de Munique em Portugal, que focaram as mais-valias da participação nesta área. Para além do destaque no Fórum durante os dias da feira e a inclusão no Trendbook, para o qual «ainda hoje recebemos pedidos de aquisição, sobretudo de designers», como realçou Heinz, a edição de 2014 traz ainda uma outra mais-valia às empresas. «Estamos a trabalhar numa aplicação [para tablets e telemóveis] com os produtos do Trendbook – uma biblioteca móvel, onde se pode fazer pesquisas, comunicar diretamente com o produtor, pedir cotações, etc.», apontou o responsável pelo Ispo Textrends Forum. Vantagens que foram já aproveitadas na edição deste ano por empresas como a LMA e a Barcelcom, ambas com produtos presentes no Fórum. «Foi um grande sucesso. Ao longo do ano fomos colhendo alguns frutos da presença no Ispo Textrends», destacou Manuel Barros, diretor-geral da LMA, que teve quatro amostras selecionadas no Top 10. Para a presença bem-sucedida contribuiu igualmente «a excelente localização da ilha portuguesa», referiu. Também para a Barcelcom, que foi qualificada no Top 10 e acabou nos cinco primeiros, «o envolvimento que teve a parceria com outras empresas e o apoio da Associação Selectiva Moda e do Citeve foi muito profícuo. Houve uma ligação muito grande entre todos os portugueses», referiu Nuno Mota Soares, um dos responsáveis da empresa especialista em meias de compressão. Uma ligação que poderá ser mais forte ainda na edição do próximo ano, uma vez que estarão «duas ilhas portuguesas em frente ao fórum, o que representa uma duplicação da área», explicou Tânia Barros, ambas mantendo o conceito de «empresas complementares», concluiu Hélder Rosendo.