Início Notícias Têxtil

Trimalhas atinge maioridade

A produtora de malhas completou, este mês, 18 anos de atividade e celebrou com uma mensagem coletiva de agradecimento pelo passado e de esperança no futuro, a começar pelo ano de 2021, para o qual tem elevadas expectativas.

Antonino e Tadeu Pinto

«[Sinto] uma gratidão imensa por aqui termos chegado», começa por dizer Tadeu Pinto, CEO da Trimalhas, num vídeo que conta com a participação de diversos elementos da empresa, do departamento comercial à produção. «Temos aqui uma equipa muito forte, um sector comercial muito forte, um sector produtivo muito forte, aliado aos investimentos que fomos fazendo ao longo do tempo, nomeadamente na formação, que é uma parte muito importante da empresa», salienta, por seu lado, o CEO Antonino Pinto.

Hoje são cerca de 80 trabalhadores, que elogiam o percurso da empresa e o ambiente familiar que se vive, mas também a capacidade de inovar.

«É uma empresa que, desde o início, procurou inovação, servir o cliente o melhor possível», aponta António Cardoso, responsável do departamento de produção.

«A nossa equipa tenta sempre aliar a criatividade à sustentabilidade, sem nunca esquecer a inovação, fazendo com que o crescimento da empresa passe por todos os departamentos», acrescenta a designer têxtil Joana Guimarães.

Inverno criativo

Essa criatividade está patente nas propostas, que são frequentemente apresentadas em feiras nacionais e internacionais – incluindo, face à pandemia, os já obrigatórios certames digitais, como o Marketplace da Première Vision.

Conscious [©Trimalhas]
Para o outono-inverno 2021/2022, a empresa subdividiu a coleção em cinco temas: Conscious, Premium, Physical, Architectural e Dreamland. O primeiro foca-se na sustentabilidade, com a utilização de fibras orgânicas e recicladas e cores naturais que «transmitem uma ideia mais romântica e confortável», explica a Trimalhas no seu catálogo.

Já as malhas «intemporais, elegantes e sofisticadas» estão agrupadas no tema Premium, com fibras de elevada qualidade em ligação com o universo do luxo. A paleta de cores é exuberante.

Premium [©Trimalhas]
Physical [©Trimalhas]
 

Em Physical, a Trimalhas aposta num tema mais sportswear, incluindo malhas com fios produzidos a partir da reciclagem de garrafas de plástico recolhidas no mar, algodão orgânico e fios Cordura, com alta resistência ao rasgo e à abrasão. «Tendo em conta que a procura dos clientes por vestuário mais confortável e tecidos com capacidades técnicas tem aumentado, completamos a nossa coleção com um tema sportswear», justifica a especialista em tricotagem.

O pronto-a-vestir encontra resposta no tema Architectural, onde o minimalismo, cores neutras, artes e monumentos «foram a base para o tipo de malhas criadas. Elas destacam as texturas, os volumes e os ritmos do tema», destaca a Trimalhas.

Architectural [©Trimalhas]
Dreamland [©Trimalhas]
 

Por último, Dreamland está mais vocacionado para o universo da criança, «com cores vibrantes e um toque suave que melhor se adequa a este mercado». Contudo, «as malhas são versáteis e ajustam-se a outros sectores», acrescenta a empresa.

À espera de um ano excelente

Em 2020, a Trimalhas lançou um novo website e aliou-se à designer Constança Entrudo, que apresentou a coleção Constança Entrudo x Trimalhas na Semana de Moda de Londres e na ModaLisboa. «A parceria resulta de um contacto que fui desenvolvendo com a Trimalhas ao longo do ano passado e foi-me feita esta proposta de fazer uma coleção em conjunto», revelou a designer ao Jornal Têxtil.

Constança Entrudo [©ModaLisboa]
«Achei interessante e adequado também aos tempos que correm, porque as pessoas procuram muito mais as malhas e o conforto, de certa forma, e sempre gostei muito de explorar a flexibilidade dos têxteis», explicou.

Tudo motivos que levam a administração da empresa a manter-se otimista para o próximo ano. «O ano de 2021 vai ser um ano excelente porque temos uma equipa preparada para os desafios que vamos encontrar», garante Antonino Pinto.

Quanto ao futuro, Tadeu Pinto realça que «com boas práticas de gestão, ambição, boa comunicação, humildade e paixão, [estou] seguro que daqui por 18 anos estaremos mais fortes».