Início Destaques

Twintex com energia 100% renovável

A empresa de confeção instalou mais 200 painéis fotovoltaicos, a somar aos mais de 1.000 que já tinha, e, além da produção própria, certificou que toda a energia que usa provém de fontes amigas do ambiente, cumprindo a meta de, em 2021, depender apenas de energia elétrica 100% renovável.

[©Twintex]

O objetivo tinha sido expresso na newsletter da Twintex em dezembro. «O ano 2021 marca o momento em que a Twintex passará a depender de energia elétrica 100% renovável», anunciou Mico Mineiro, COO da empresa.

O cumprimento dessa meta foi agora anunciado. «A Twintex reforçou neste novo ano a sua vertente de produtor de energia elétrica, concluindo mais um investimento em duzentos painéis fotovoltaicos na mais recente área logística, na Zona Industrial do Fundão, aumentando assim em 20% a sua capacidade instalada», revela a empresa em comunicado. A isso soma a certificação por parte da Audax Energia, uma empresa espanhola dedicada à produção e comercialização de eletricidade e gás 100% renováveis, que garante «que a energia utilizada contribui para a proteção do ambiente», sublinha a Twintex. De acordo com o compromisso assumido pela Audax Energia, a energia fornecida «não produz gases com efeito de estufa» e «não contamina o ar, a água nem a terra, contribuindo para a proteção do meio ambiente».

«A Twintex é uma empresa certificada com a ISO14001, SA8000 e ISO9001 e pretendemos que 2021 seja um reforço destas vertentes», indicou Mico Mineiro. «Mantemos um plano pensado e organizado para continuarmos a desenvolver iniciativas sociais, ambientais e de qualidade atendendo às necessidades dos nossos clientes, trabalhadores e toda a comunidade envolvente», salientou.

Mico Mineiro

A sede da empresa, com os seus mais de mil painéis fotovoltaicos, é já capaz de produzir 55% da energia utilizada internamente. À produção de energia, a Twintex tem juntado outras medidas «redutoras de emissões de CO2», incluindo a utilização de gás natural para o aquecimento de água, filtros UV em todas as janelas para reduzir o uso de ar condicionados, telhado com isolamento térmico para estabilizar a temperatura internamente, equipamento com baixos consumos, iluminação LED em toda a fábrica e reforço da reciclagem industrial e doméstica.

Depois de em 2020 ter sentido uma redução do volume de negócios fruto do impacto da pandemia na sua atividade, em 2021 a Twintex, que emprega diretamente mais de 400 pessoas, antecipa uma «inversão de tendência de queda com a coleção FW21. Esta inversão dever-se-á em grande parte ao arranque efetivo da vacina que reforçará a confiança nos consumidores, somada ao facto de que se começa a notar uma vontade de compra, fruto do “colete de forças” que o mundo vem tendo nos últimos 12 meses», indicou Bruno Mineiro ao Portugal Têxtil.

No geral, «olhamos para 2021 com confiança, na expectativa clara de que chegaremos a dezembro bem melhor do que partimos em janeiro», acredita o administrador, apontando para que, a longo prazo, «termos os satélites da sustentabilidade e social compliance alinhados também serão vantagens competitivas», concluiu Bruno Mineiro.

Bruno Mineiro