Início Notícias Vestuário

Twintex renova como PME Líder

A empresa de confeção é uma das 9.955 empresas que garantiram o estatuto PME Líder em 2020. O reconhecimento, dado pelo IAPMEI em parceria com o Turismo de Portugal, entidades bancárias e sociedades de garantia mútua, confirma os níveis de solidez e o bom desempenho económico-financeiro dos negócios.

Mico, António e Bruno Mineiro

«Através deste reconhecimento a Twintex é destacada nacionalmente devido ao sucesso da sua estratégia empresarial e à importância para a economia do país», refere a Twintex em comunicado.

A empresa, que no final do ano passado renovou igualmente o estatuto de interesse estratégico e que anunciou, já este ano, que irá depender apenas de energia elétrica renovável, exporta 100% da sua produção «para os maiores mercados internacionais» e «mantém a sua expansão para mais de 26 países, representando a confeção portuguesa com os mais elevados padrões de produção e qualidade», sublinha.

Apesar de em 2020 ter sentido uma redução do volume de negócios, fruto do impacto da pandemia, a Twintex, que emprega diretamente mais de 400 pessoas, acreditava, no final do ano passado, numa «inversão de tendência de queda com a coleção FW21», indicou Bruno Mineiro ao Portugal Têxtil. No geral, «olhamos para 2021 com confiança, na expectativa clara de que chegaremos a dezembro bem melhor do que partimos em janeiro», acredita o administrador.

No seguimento da renovação do estatuto de PME Líder, a Twintex afirma que «pretende continuar a dinamizar toda a região Centro e Norte através de um plano estratégico de promoção destas áreas, na cultura e economia regional».

Mais de 300 PME Líder na ITV

No total, o estatuto PME Líder 2020 foi atribuído a 9.955 empresas que, segundo o IAPMEI, «superaram os 40 milhões de euros de volume de negócios, tendo sido responsáveis por 325.646 postos de trabalho em 2019, mais 34.836 face ao ano anterior».

A mesma entidade destaca que as PME Líder 2020 apresentam uma autonomia financeira média de 59% e níveis de rendibilidade dos capitais próprios, do investimento e das vendas superiores aos valores que registaram no ano anterior. 71,9% destas empresas são de pequena dimensão, havendo ainda 22,2% médias e 6% micro.

O distrito do Porto concentra a maioria das PME Líder 2020, com 1.974 empresas (19,8%), seguido de perto pelo distrito de Lisboa (1.965 empresas ou 19,7%). Braga (1.030 empresas ou 10,3%) e Aveiro (971 empresas ou 9,8%) estão igualmente em evidência.

Na indústria têxtil e vestuário, entre produtoras, comércio a retalho e agentes de comércio por grosso, há mais de 300 PME Líder 2020.