Início Destaques

Twintex soma reconhecimento

A recente renovação do Estatuto de Interesse Estratégico para a Economia Nacional volta a colocar a Twintex em destaque. O certificado do Instituto do Emprego e Formação Profissional reconhece que a empresa do Fundão fomenta o emprego e o desenvolvimento não só na região, mas em todo o país.

Recentemente apontada como uma das 50 maiores exportadoras nacionais de vestuário, desde a sua fundação que a Twintex se preocupa em evoluir e inovar de dentro para fora – isso inclui as 400 pessoas que emprega e o meio ambiente que a envolve.

A segunda geração da empresa de base familiar – Bruno e Mico Mineiro – tem seguido as coordenadas sociais e de sustentabilidade transmitidas pelo pai António, que iniciou o caminho já em 1979.

«Para a Twintex, este é um momento relevante, uma vez que é o renovar do nosso compromisso e o confirmar da estratégia de empregabilidade traçada e seguida», afirma, ao Portugal Têxtil, o administrador Mico Mineiro, a propósito da renovação do estatuto.

Twintex Eco Fashion, Twintex Academy, Twintex Life e, mais recentemente, Twintex EVOlution são os projetos de inovação, formação, sustentabilidade e de responsabilidade social implementados pela produtora de vestuário para um portefólio de marcas de luxo internacionais, que agrega duas unidades industriais, intersetadas por um conceito de atelier – uma linha de costureiras especializadas para terminar peças à mão.

O Eco Fashion, que começou há mais de 10 anos, tem por objetivo desenvolver um sistema infinitamente sustentável. «Parece um sonho, mas essa ideia irrealista face ao facto de produzirmos 55% da nossa necessidade de energia elétrica com painéis fotovoltaicos começa a ganhar alguma consistência», tinha explicado Mico Mineiro, em junho de 2016, ao Jornal Têxtil. «Temos ainda depósitos de água na fábrica, que juntamos de forma natural diariamente e que nos permite autossuficiência em água – gastamos 12 mil litros de água por dia. Estes dois factos, somados ao facto de utilizarmos gás natural para produzir o vapor da empresa, faz com que tenhamos uma poupança mensal tão importante que coloca o nosso custo-minuto atual abaixo do que era há cinco anos», apontou.

O Twintex Life, por sua vez, tem por base a relação da empresa com a comunidade interna e externa e o seu “highlight” é o Twintex Card, que dá descontos aos colaboradores em serviços locais, que vão desde o médico ao dentista, ao ginásio, à piscina, aos combustíveis. Não menos importante, a Twintex Academy é uma escola dentro de cada fábrica, que permite qualificar e requalificar o capital humano.

É precisamente através da Twintex Academy que a empresa, juntamente com os seus parceiros na área na formação – Modatex, Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) e Universidade da Beira Interior (UBI) –, tem conseguido formar e empregar talentos com elevado sucesso.

«É uma ação transversal a nível etário e de género que tem oferecido resultados muito interessantes e permitido à Twintex evoluir com inputs e pontos de vista diferentes», sublinha Mico Mineiro. «Em 2018 contamos tirar o máximo partido do Estatuto de Interesse Estratégico para a Economia e elevar o potencial desta distinção ao máximo, criando novas oportunidades de emprego e na área da formação, podendo algumas delas ser consideradas inéditas no ramo», adianta o administrador.

O conceito mais recente reside no Twintex EVOlution que, de acordo com Mico Mineiro, «questiona de forma permanente como a empresa pode melhorar». O investimento total nestes quatro conceitos que balizam a atuação da empresa foi superior a um milhão de euros.

Reorganização produtiva e sustentabilidade infinita

Em 2017, os esforços da Twintex concentraram-se na reorganização produtiva, com investimentos feitos a nível da maquinaria e da formação profissional. «Conseguimos inovar no método e no número de automatismos sem prejudicar o cunho tradicional que caracteriza os nossos produtos», destaca Mico Mineiro. No ano passado, o volume de faturação da Twintex manteve-se «semelhante ao do ano anterior, com um ligeiro aumento».

Sempre de olhos postos no futuro, o desafio atual passa por fazer da Twintex uma empresa neutra do ponto de vista ecológico, criando para isso um sistema «infinitamente sustentável». «Este ano contamos ter concluído o processo de Certificação ISO 14001, que passa por ser um Sistema de Gestão Ambiental que reforça o nosso compromisso ambiental e muito nos orgulha», conclui o administrador.