Início Arquivo

União Europeia ajuda Bangladesh

A União Europeia vai oferecer a Bangladesh 350 milhões de euros (70 milhões de contos) em ajuda técnica durante os próximos cinco anos. Isto, além do mil milhão de euros (200 milhões de contos) entregue para apoiar o desenvolvimento. Pascal Lamy, Comissário do Comércio da União Europeia, afirmou numa conferência de imprensa, que o valor da assistência técnica inclui 50 milhões de euros (10 milhões de contos) para diversificação de produtos e exportações. Lamy afirmou ainda que a União Europeia iria enviar uma missão a Dhaka em Janeiro, para avaliar como a Comissão Europeia poderá ajudar o Bangladesh a curto prazo. Ele impulsionou ainda o Bangladesh a expandir os seus produtos mistos para exportações, no sentido de garantir que não vai ter que contar só com o vestuário para as trocas comerciais com o estrangeiro. «Há uma grande inclinação por parte das exportações de Bangladesh para o vestuário pronto-a-vestir, que representa 75% do total de exportações do país para a União Europeia. É esta exportação que se encontra agora a passar por “águas agitadas”, referiu Lamy. A economia de Bangladesh está muito dependente das exportações de vestuário pronto-a-vestir, especialmente para os Estados Unidos e Europa, e as quais diminuíram substancialmente após os ataques a Nova Iorque e a Washington a 11 de Setembro. Segundo Lamy a «União Europeia sugere vivamente a Bangladesh que diversifique os seus produtos, ou então no futuro o país poderá não aguentar os esforços de desenvolvimento, se houver algum choque na economia global como aconteceu depois de 11 de Setembro».