Início Notícias Marcas

Vestidos para vencer

A caminho de França para o Campeonato Europeu de Futebol, os jogadores portugueses levam na bagagem a esperança de 11 milhões de portugueses e no corpo a elegância dos fatos produzidos pela cinquentenária Dielmar, ficando assim equipados para ganhar dentro e fora das quatro linhas.

 

A parceria entre a Federação Portuguesa de Futebol e a Dielmar foi renovada por mais dois anos e o resultado pôde já ser visto hoje, quando os jogadores embarcaram no “Eusébio” – o avião da TAP que os vai levar a terras gaulesas. É «uma aliança de duas marcas portuguesas com história, determinadas a elevar o nome de Portugal no mundo», sublinha a Dielmar em comunicado.

Composto por três peças – casaco, calça e colete –, o fato criado pela equipa de design da Dielmar, liderada atualmente pelo jovem Rúben Damásio (ver Sangue novo na Dielmar), segue as «tendências internacionais de moda masculina, de onde resultou uma criteriosa seleção de materiais e cores», explica a marca. «O fato oficial, de vestibilidade slim fit em construção semi-tradicional, pertence à linha Private, um modelo premium da Dielmar que respeita o conceito e a tradição da alfaiataria, mas alia um toque de design e modernidade num registo jovem e slim», acrescenta o comunicado.

Para além do design, a marca – cujos fatos são produzidos na empresa epónima, sediada em Alcains, que vende para mais de 30 países – apostou ainda em matérias-primas de luxo, com tecido da Lanificio F.lli Cerruti, da linha iTravel que, segundo a Dielmar, se distingue «sobretudo pela qualidade mas também pela elevadíssima capacidade de recuperação e pelo conforto, ideal para quem viaja e faz deslocações ao estrangeiro».

Os fatos foram customizados com as medidas de cada jogador, mantendo-se fiel ao lema da marca, que coloca a alfaiataria no centro das suas propostas. Além disso, contam com símbolos no interior e exterior, que pretendem representar «o desafio, a força, a vontade de vencer de um povo que, na sua história, sempre soube levar a sua bandeira pelo mundo». Os coordenados são complementados por gravatas cinza, 100% seda, e lenço de peito.

O Campeonato Europeu de Futebol arranca amanhã, em Paris. A seleção portuguesa, integrada no Grupo F, estrear-se-á a 14 de junho, num jogo contra a Islândia, em Saint-Etienne. Nesta fase de grupos, os “jogadores das Quinas” terão ainda de ultrapassar a Áustria (18 de junho, em Paris) e a Hungria (22 de junho, em Lyon) para passarem aos oitavos de final e prosseguir o caminho rumo ao tão desejado título de Campeão Europeu de Futebol.