Início Notícias Têxtil

Yarn Expo inova em Shenzen

A feira de fios sob a chancela da Messe Frankfurt (HK) vai revelar as tendências para os têxteis lineares de 15 a 17 de julho em Shenzhen, com enfoque na inovação, numa estreia absoluta na moderna metrópole que liga Hong Kong à China.

A Yarn Expo vai ter uma nova edição, em Shenzhen, e, por isso, vai juntar-se à Intertextile Shenzhen Apparel Fabrics, agendada de 15 a 17 de julho. As feiras vão ter lugar no Centro de Convenções e Exposições Mundiais de Shenzhen e decorrer em paralelo com a Chic e a PH Value. Deste modo, a Yarn Expo Shenzhen será a «primeira paragem de todas as cadeias de aprovisionamento de vestuário» e contará com a participação de 150 expositores.

«Estamos muito satisfeitos que a China Knitting Industrial Association coopere connosco como um dos organizadores da feira de Shenzhen. O seu envolvimento vai aumentar a nossa capacidade de desenvolver este sector de produtos da feira nas próximas edições», destaca Wendy Wen, diretora-geral sénior da Messe Frankfurt (HK).

O certame chinês reúne os principais expositores, que apresentam uma grande variedade de produtos, desde os artigos naturais de alta qualidade até aos produtos sintéticos pautados pela inovação. Nas últimas edições, este formato tem experienciado um interesse elevado dos visitantes em relação aos expositores que oferecem produtos exclusivos, como é o caso de fios sofisticados, funcionais e sustentáveis que acrescentam valor à peça acabada.

«As edições de primavera e outono da Yarn Expo em Xangai têm crescido ano após ano e são agora reconhecidas a nível global como o melhor centro para indústria obter fios e fibras», afirma Wendy Wen. «Os nossos expositores foram abordados não só por fiandeiros e tecelões, mas também por produtores de vestuário e marcas de moda, que querem materiais e qualidades específicas. O lançamento da Yarn Expo Shenzhen tem como objetivo captar o potencial do forte mercado de vestuário no sul da China e no sudeste asiático», explica a diretora-geral sénior da Messe Frankfurt (HK).

Epicentro da moda

O Centro de Convenções e Exposições Mundiais de Shenzhen vai, consequentemente, abrir portas à Yarn Expo que, em comunicado, destaca que o espaço localizado perto do Shenzhen Bao’an International Airport está rodeado por várias opções de transportes, o que garante uma maior conveniência e comodidade para os produtores locais e para os compradores internacionais.

Shenzhen é uma cidade central, ligada a cidades como Hong Kong, Macau e a província de Guangdong, que abrangem os principais centros produtores de todos os tipos de vestuário, incluindo senhora, homem, denim, lã, roupa interior e vestuário infantil.

«O local fica perto da Dalang Fashion Town em Shenzhen, promovido pelo Governo, que pretende recorrer à dinâmica da Greater Bay Area para construir um centro de moda internacional. O projeto explora as fortes raízes de Shenzhen na moda, visto que a cidade é conhecida como o centro da moda feminina e a cidade de 30 mil designers e mais de dois mil retalhistas de moda», avança o certame organizado pela Messe Frankfurt (HK), CCPIT, China Cotton Textile Association, China Chemical Fibers Association e ainda pela China Knitting Industrial Association.

Tendo em conta os esforços da China para reafirmar o lugar na indústria da moda, a Dalang Fashion Town promove os designers nacionais assim como tecnologia sustentável, o que quer dizer que a sofisticação e a ecologia vão ser dois aspetos em foco na Yarn Expo Shenzhen.