Início Notícias Moda

Béhen a caminho de Londres

Poucos meses depois de se ter estreado em Paris, a marca da designer Joana Duarte atravessa o Canal da Mancha para se apresentar, pela primeira vez, na Semana de Moda de Londres. A Béhen faz parte das nove marcas selecionadas para o DiscoveryLab, dedicada aos novos talentos da moda.

[©ModaLisboa/Ugo Camera]

“Amor com Amor se Paga” é o nome da coleção Resort 2022 da Behén, que se estreará na Semana de Moda de Londres, um evento 100% digital agendado para 12 a 14 de junho.

Ainda sem dia certo – a Semana de Moda de Londres ainda não revelou o calendário oficial de apresentações –, a Béhen vai integrar a DiscoveryLab, uma plataforma de designers emergentes.

«É uma importante oportunidade para a marca, porque Londres tem um mercado e uma audiência focados em novos designers», afirma Joana Duarte.

A nova coleção da Béhen será apresentada através de um vídeo gravado em Peniche por uma equipa de jovens criativos, onde os valores da marca estarão em evidência. «Mais do que upcycling de têxteis antigos, [a missão da Béhen] é a de reavivar, cultivar e impulsionar o saber-fazer e técnicas tradicionais portuguesas, como os bordados e o crochet, trabalhando com várias comunidades de artesãs por todo o país, e documentando esses contos em histórias que enriquecem e dão mundo a todas as peças», refere a ModaLisboa em comunicado.

Em março, a marca de Joana Duarte esteve presente no showroom The Sustainables, organizado durante a Paris Fashion Week, depois de ter ganho o concurso The International Sustainable Fashion Design. Seis meses antes, tinha-se estreado na passerelle da ModaLisboa com a coleção “Talvez te escreva”, onde pôs em evidência os enxovais e vestidos de noiva que recolhe por todo o país. Na edição de abril deste ano repetiu a presença, de forma digital.

Pelo caminho teve ainda tempo para uma parceria com a Levi’s, onde deu uma segunda vida a 25 peças em denim de antigas coleções da marca, transformando-as em 15 novas peças de vestuário. «Uma coleção-cápsula inspirada pelo emblema de uma nação, um tesouro em vias de extinção: o sabão azul e branco», revela a Béhen na sua página de Facebook. Tal como todas as coleções até à data, também esta colaboração especial teve um foco especial na responsabilidade social. «Porque cada gesto conta na luta por um mundo mais sustentável, 30% do valor da compra vai para a Fundação Príncipe, dedicada a conservar e proteger a biodiversidade da Ilha do Príncipe, no arquipélago de São Tomé e Príncipe», acrescenta.

Uma marca sustentável

O conceito da Béhen ganhou forma durante o mestrado de Joana Duarte na Kingston University, em Londres, e com uma ação de voluntariado na Índia. «Comecei a questionar como é que eu conseguiria criar um projeto que tivesse um impacto direto nas comunidades, em termos de produção ética mas também da pegada ecológica», explicou a designer ao Jornal Têxtil momentos após o seu primeiro desfile na ModaLisboa.

Levi’s + Béhen [©Béhen/Frederico Martins]
Com vendas online, a designer tinha já antecipado a vontade de impulsionar a internacionalização, o que tem vindo a acontecer este ano. «Estou agora a começar, mas acho que pode resultar a nível internacional e tem resultado, porque vendo lá fora a pessoas que não têm como parte da sua tradição o enxoval mas que rapidamente se identificam com este tipo de materiais e criam logo ali uma relação emocional com as peças», explicou.

No DiscoveryLab, a Béhen terá a companhia de Abigail Ajobi, Auroboros, Azura Lovisa, Chloe Baines, Djokic, Maxime, Mayyaagayeva, Noirgaze, Paolo Carzana e Shek Leung.

A Semana de Moda de Londres anunciou ainda alguns dos nomes do calendário principal, onde consta a presença da Marques’Almeida.